6 dicas para viver o Ano Mariano

O Ano Nacional Mariano foi proclamado pela CNBB em comemoração aos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, nas Águas do Rio Paraíba do Sul. Teve seu início no dia 12 de outubro e seguirá até 11 de outubro de 2017. Veja aqui algumas dicas para viver bem este tempo de graças.

1) Rezar como criança – “Juntava as mãozinhas e rezava apressado, mas rezava como alguém que ama”, diz a letra daquela belíssima canção do Pe. Zezinho, scj. Nossa Senhora é mãe, é sensível a corações que pedem com a pureza das crianças. Para viver bem este ano mariano, nossa primeira dica é, com a intercessão da Mãe das mães, pedir a Deus um coração simples como o das crianças. Se faz muito tempo que você não reza uma Ave-Maria, comece hoje. E comece assim, “como alguém que ama”;

2) Conheça os amigos de Nossa Senhora – Muitos santos na história da Igreja se destacaram pela intimidade e devoção à Virgem Maria. Podemos sugerir aqui dois deles, para que você busque conhecer e encontrar o seu próprio itinerário de amizade com a Mãe de Deus: São Luís Maria Grignion de Montfort, conhecido como o Apóstolo de Maria e Santa Catarina de Labouré. Ambos têm histórias muito interessantes e inauguraram poderosos instrumentos de devoção à Maria;

3) Faça um altar em sua casa – Se você já possui um, procure rezar diante dele, acender uma vela sempre que possível, ornamentar, oferecer flores à Nossa Senhora. Se ainda não tem, não hesite em abraçar esta prática devocional. O Catecismo da Igreja Católica nos ensina que os sacramentais (imagens, medalhas, ícones…) , “pela oração […] preparam para receber a graça e dispõem para cooperar com ela”. §1670

formacao_940x350-destaque-vitoria-do-preciosissimo-sangue

4) Reze o terço – São Luís Maria G. Monfort escreveu: “Deus reuniu todas as águas e chamou-as mar; reuniu todas as graças e chamou-as Maria”. Podemos ler este trecho apenas como uma poesia, mas, a verdade é que no ventre de Nossa Senhora, onde habitou plenamente o filho de Deus, encontramos todas as graças para alcançar a felicidade que só Deus é capaz de nos dar. Se rezar o terço não é fácil pra você, busque soluções práticas: use o rádio, youtube, aplicativos do celular, CDs. Enquanto faz uma caminhada ou vai ao trabalho. Seja criativo!

5) Visite os que sofrem – Ninguém que é visitado pela Mãe de Deus permanece como antes. Ainda sob os impactos positivos do Ano da Misericórdia, instituído extraordinariamente pelo Papa Francisco em 2015, somos chamados a assumir a postura de uma “Igreja que sai”. Com Nossa Senhora, partir em missão para aqueles que necessitam de um consolo, de abrigo e oração e viver as obras de misericórdia;

6) Faça uma peregrinação a um santuário mariano – “Celebrar, louvar a Deus e reaprender com nossa Senhora como ser cristão hoje”. Com esta mensagem, Dom Sérgio da Rocha, presidente da CNBB, indica o espírito que deve orientar a vivência do ano mariano. A peregrinação a um Santuário pode ser uma excelente opção para viver estes três pontos sugeridos pelo bispo e alimentar a devoção à Maria